O corpo em ritmo de Pré-carnaval – se a canoa não virar.

O corpo em ritmo de Pré-carnaval – se a canoa não virar.

DSCN6800
Estarei no Centro Cultural da UFMG esta semana desenvolvendo uma oficina que articula três dimensões que perpassa o meu processo estético, criativo e existencial: ritmo corpo e palavra. O corpo como foco de discursão politica , experimentação poética, reflexão critica e construção de subjetividade, sendo o tema central do Festival de Verão da Universidade Federal de Minas Gerais, o corpo é uma festa. Inspirado no escritor Eduardo Galeano que afirma:

“A Igreja diz: o corpo é uma culpa. A Ciência diz: o corpo é uma máquina. A publicidade diz: o corpo é um negócio. E o corpo diz: eu sou uma festa.“

Eduardo Galeano.

Na oficina: Ritmo, corpo e palavra (Palavra como movimento sonoro e corporal.)

A oficina acontece na interação a partir da conexão entre: palavra, corpo e som numa simbiose criativa. Tendo como perspectiva promover uma consciência rítmica utilizando textos poéticos numa leitura variadas e formas diversas de se ler um texto, numa profusão de signos almejando desinibir e buscar a melhora da performance pessoal dos participantes. Desta forma, a oficina pretende ser um espaço coletivo de diálogo, de experimentação de linguagem estabelecendo um entrelaçamento entre a fenomenologia rítmica e sua relação com o signo linguístico criando assim, uma narrativa sonora e imagética, ainda se utiliza de objetos variados, instrumentos musicais, leituras de poemas, construção de micro-textos dando ênfase à inúmeras ferramentas e elementos sígnicos.

As etapas e metodologia,

Nesse processo metodológico, em primeiro momento acontece: a apresentação das pessoas, este inicio é muito importante para desenvolvimento da oficina e para as etapas subsequente. As etapas vão tendo desenvolvimento em sequencia sempre com o esgotamento de cada exercício ou dinâmicas que acontecem em situações sonoras e corporal tendo na palavra um suporte e um elemento catalizador das provocações de percepções e novas elaborações criativas, no sentido de promover uma reflexão critica, assim, cria uma interseção com a linguagem corporal, pequenos efeitos. o silêncio como ponto de ponderação e motivação poética em busca de uma linguagem hibrida a partir de dinâmicas, tecnologias corporais e sonoras, utilizando-se de livros, vídeos, musicas, leituras de poemas, apropriando-se do imaginário linguístico, a criatividade, história pessoal dos participantes na perspectiva de uma criação coletiva permeada entre ritmo, corpo e o universo da palavra em suas múltiplas possibilidades.

Os instrumentos em cena

Os instrumentos e objetos sonoros são utilizados como signo que possibilita a comunhão com a palavra e corpo numa simbiose que estabelece o desenvolvimento da expressão dos participantes, e ainda; proporciona momento de energia criativa: tanto no sentido de explosão corporal, como de reflexão. Também usado como texto sonoro e padrões rítmicos que motiva as articulações corporais exigindo leitura e interpretação tanto usando a palavra escrita ou oral e diversas interpretações.

Poetas utilizados na oficina que acionam o imaginário corporal e a potência imagética:

Gregório de Matos
Castro Alves
Gonçalves Dias
Manoel bandeira
Carlos Drummond de Andrade
Augusto do anjos
Patativa do Assaré
Bráulio Tavares
Bruno Brum
Ricardo Aleixo
Babilak Bah
Lau Siqueira
Paulo Leminski
Solano Trindade
Chacal.

Além de recortes de revistas, jornais e leituras de situações espaciais e arquitetônica em que a oficina acontece numa intervenção com os corpos dos participantes.

Escritores e obras de referencia para desenvolver esta oficina.

As palavras e as coisas (Michael Foucault)
Introdução a poesia oral(Paul Zumthor)
Oriki orixá(Antonio Risério)
O corpo e seus símbolos (Jean-Yves Leloup)
Olhares do corpo (Neyde Theml)

Babilak Bah.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: